Site no forno…

bota-pra-fazer2
O movimento Bota Pra fazer, do qual o ponto alto será a Semana Global do Empreendedorismo, está com tudo!

Estamos preparando um site com muita informação para os empreendedores, tanto pra você que está começando quando pra você que já empreende e quer se aperfeiçoar. O site não será apenas informativo, além dos muitos vídeos e artigos terá uma grande rede social que proporcianá mais diálogo entre todos.

O site será lançado em fases e a primeira está prevista para ir ao ar em Junho. Fique atento..

Você quer nos ajudar a contruir o site? Então nos diga o que você gostaria de encontrar em um site como o do Bota Pra Fazer, que promove o empreendedorismo.

 

Alice Alves

Anúncios

O mais jovem empreendedor

Gente essa matéria é muito boa…. estamos criando prodígios cada vez mais cedo?

8070829daf0ed57e4fdf770e51e48f29

Com apenas nove anos de idade, o malaio Lim Ding Wen criou aplicativo para iPhone. Só falta lucrar com isso

EM VEZ DE DESENHAR com uma folha de papel e lápis de cor, como a maioria dos garotos, o malaio Lim Ding Wen, de nove anos, usa ferramenta bem diferente: seu iPhone. Foi assim que ele se tornou celebridade com a criação do programa Doodle Kids, que permite aos usuários pintar com os dedos imagens na tela touch screen do aparelho. Para limpar, basta chacoalhar o telefone. O aplicativo foi baixado mais de quatro mil vezes na loja virtual iTunes, da Apple, em menos de duas semanas. Até agora, o garoto não recebeu um único tostão pela invenção. A Apple nada cobra dos usuários pelo download – e também nada paga para o jovem malaio. Não é a primeira vez que o pequeno gênio desenvolve programas. Filho do diretor de tecnologia de uma empresa de Cingapura, ele cria aplicativos em seis linguagens diferentes, entre elas ActionScript e JavaScritpt. Para o Doodle Kids, Lim diz ter encontrado inspiração nas duas irmãs, de três e cinco anos. “Elas que gostam de desenhar e criei o programa em poucos dias”, disse o garoto ao jornal Electric New Paper, de Cingapura.

(…) O garoto não passa o dia colado no computador, como se poderia pensar diante da impressionante sucessão de invenções. Segundo o pai do garoto, Lim Thye Chean, Lim tem permissão para brincar no micro por apenas duas horas ao dia. Com uma condição: antes precisa acabar todo o dever de casa. “Ele é um garoto acima da média, que gosta de programar e tem interesse especial por Apple e Macs”, comentou com modéstia o pai do menino. Não é difícil imaginar que o menino será um dos profissionais mais cobiçados da área de informática daqui a alguns anos.

 

Animal!

Lud Figueiredo

O Sucesso de empreendedores persistentes

Este estudo confirma que empreendedores que já tiveram um negócio anterior de sucesso tem uma chance muito maior de ser bem-sucedido em seu próximo empreendimento.

http://hbswk.hbs.edu/item/5941.html

 

Lud Figueiredo

Projeto Fábrica Verde

fabrica_verde_2Por esses dias conheci o Projeto Fábrica Verde, um projeto que capacita pessoas em vulnerabilidade social na produção de Composto Orgânico, plantas ornamentais, jardinagem, manutenção de praças e jardins.

O bacana é que eles também têm aulas sobre formas associativas de empreendimentos, gestão de negócios e comercialização. Eles se transformam em verdadeiros empreendedores.

A iniciativa do projeto é uma parceria da Secretaria Municipal do Trabalho  com a USP, que cede o espaço onde é realizada toda a produção da matéria-prima, aulas teóricas e prática.

Já a Secretaria, gestora de todo o processo, foi responsável pelo desenvolvimento e elaboração do projeto por meio da Coordenadoria do Empreendedorismo. No decorrer do curso os alunos recebem um auxílio transporte e alimentar no valor de R$ 435,75 pagos pelo Programa Operação Trabalho, também da SMTrab.  

Hoje você já pode encontrar a venda na própria USP mudas de amoreira, de pau-brasil e outras tantas por R$1.  Muito legal mesmo.

 

Alice Alves

A crise segundo “Einstein”

alberteinstein1

“Não pretendemos que as coisas mudem, se sempre fazemos o mesmo. A crise é a melhor benção que pode ocorrer com as pessoas e países, porque a crise traz progressos. A criatividade nasce da angústia, como o dia nasce da noite escura. É na crise que nascem as invenções, os descobrimentos e as grandes estratégias. Quem supera a crise, supera a si mesmo sem ficar “superado”.

Quem atribui à crise seus fracassos e penúrias, violenta seu próprio talento e respeita mais aos problemas do que às soluções. A verdadeira crise, é a crise da incompetência. O inconveniente das pessoas e dos países é a esperança de encontrar as saídas e soluções fáceis. Sem crise não há desafios, sem desafios, a vida é uma rotina, uma lenta agonia. Sem crise não há mérito. É na crise que se aflora o melhor de cada um. Falar de crise é promovê-la, e calar-se sobre ela é exaltar o conformismo. Em vez disso, trabalhemos duro. “Acabemos de uma vez com a única crise ameaçadora, que é a tragédia de não querer lutar para superá-la”.

 Albert Einstein

 

Lud Figueiredo

Guia de Fundos Endeavor e Gazeta Mercantil

guia1

Guia de Fundos

Já está disponível no site da Endeavor o link para a versão online da revista Gazeta Investe de dezembro/08. A edição traz um panorama completo da Indústria de Private Equity e Venture Capital no Brasil, bem como o Guia de Fundos GVcepe-Endeavor, com informações detalhadas sobre cada uma das organizações gestoras de fundos presentes no país. Dados como capital comprometido, faixas de investimento, porte das empresas nas quais investem são algumas das informações que empreendedores e investidores podem encontrar na revista. Para se ter uma idéia do crescimento do setor no país, o capital comprometido cresceu de 16 bilhões em 2008 para aproximadamente 26 bilhões em 2008.

Lud Figueiredo

42-19377551

Novas oportunidades: chances para o futuro
O Governo britânico lançou um novo White Paper com o objetivo de incentivar a mobilidade social – a chave para ‘fomentar uma cultura em que talento pode ser desbloqueado e florescer, reconhecendo diferenças de cultura empresarial entre os diferentes grupos sociais, reduzindo o medo do fracasso que prejudica o apoio às empresass e dando a todos a oportunidade de ser empreendedor’.

Novas medidas propostas no White Paper incluem mentoring online sobre negócios destinados a diferentes grupos demográficos e oferecendo apoio financeiro para as pessoas que estão desempregadas e querem iniciar um negócio.

Aspiração e realização dos jovens em comunidades pobres 
Lançado juntamente com o White Paper sobre a mobilidade social, este relatório analisa diferentes estratégias para mudar as atitudes e comportamentos dos jovens com baixa motivação, de acordo com a pesquisa da Social Exclusion Task Force.

Embora haja um número significativo de iniciativas em curso nesta área de trabalho, eles acreditam que mais coisas poderiam ser feitas para coordenar os esforços para uma mudança cultural: um melhor alinhamento no âmbito das intervenções e uma maior integração das escolas com o governo local e empresas.